O Parque Cão Sentado foi privatizado pelo empresário Ronaldo de Amorim em julho de 2003. O Parque foi totalmente remodelado e hoje conta com novas instalações, escadas e corrimões, banheiros, sala de primeiros socorros, guarita com roleta, lanchonete, sede, playground, deck e áreas setorizadas. É uma ótima opção para quem quer fugir do agito urbano.
Neste lugar nada se tira, a não ser fotos,
Nada se deixa a não ser pegadas,
Nada se mata a não ser o tempo.

resultado

30 dezembro 2007

Vai pescar no Parque!!!!



Você gosta de Pescar????E não vai viajar?

E com este sol maravilhoso...O que você está esperando para levar os amigos e os filhos para pescar no Cão Sentado??

Não tem ninguém para limpar os peixes??? Não se preocupe, o Parque limpa pra você!!!
O que??!!Você gosta de pescar, mas não gosta de peixe??!! Sem problemas, o Parque tem o Pesque-devolva..Você só pesca, se diverte, entra em contato com a natureza, respira aquele ar puro delicioso, toma aquela cervejinha gelada e devolve os peixes para o lago!!!

NÃO TEM DESCULPA!!! Tá estressado da vida urbana..Vai pescar...rsrs

Maiores informações acesse o link do Site do Parque.





16 dezembro 2007

Os micos do Parque Cão Sentado


Os Sagüis, denominação genérica para várias espécies de micos, são pequeninos macacos (primatas), que pesam cerca de 250 gramas, de hábitos diurnos, que vivem em média 10 anos na natureza.
O mico-estrela (Callithrix penicillata) é uma das espécies mais observadas no Parque Cão Sentado. Alegres, gostam de brincar de briga e de esconde-esconde.
Adoram fazer graça para quem estiver por perto.
O mico-estrela é caracterizado por apresentar tufos longos e negros, em forma de pincel, na orelha. A coloração geral do corpo é acinzentada, sendo a cauda anelada (com faixas transversais brancas). O nome mico-estrela é devido à presença de uma mancha branca na testa.
Os sagüis vivem em grupos pequenos (também podem ser vistos sozinhos ou em pares). Às vezes formam bandos que, nas regiões pouco freqüentadas pelo homem, podem reunir trinta ou quarenta indivíduos.

15 dezembro 2007

Cão Sentado 1º Lugar em "Belezas Naturais"


Salvador entrega o diploma ao representante do Cão Sentado, a maravilha natural que tirou o 1º lugar


"Concurso que mobilizou leitores, premiou participantes e distingue monumentos"

"Nova Friburgo é uma cidade especial. Ela própria uma maravilhosa inspiração da criação divina, possui muito mais do que ‘sete maravilhas’, as quais simbolizam somente um tanto de suas raras belezas, como verdadeira musa inspiradora dos melhores poetas, artistas e criadores.” Com esse espírito aconteceu nesta quarta-feira, 12, às 10 horas, com transmissão ao vivo no programa Toda Manhã (TV Zoom, canal 14 do sistema de TV a cabo) a premiação do concurso Sete Maravilhas Friburguenses".
"Assim, o empresário Ronaldo Amorim, arrendatário do Parque de Furnas, onde está localizado o Cão Sentado, primeiro lugar em belezas naturais, estará participando, ao lado de Heberson Lamblet, presidente da Associação Friburguense de Canoagem (Encontro dos Rios)...";

Trechos da reportagem de 4ª feira 12/12/2007 do Jornal "A Voz da Serra"



AME NOVA FRIBURGO ESPECIAL: 7 Maravilhas
As Maravilhas Friburguenses



“A mais gentil, meiga e formosa flor das montanhas do Brasil.”

(Raphael Luiz de Siqueira Jaccoud)




Cidade Cartão-Postal



“Serra de Sonhos. Terra divina de tantos encantos.

Serra acima, Serra dos Órgãos, águas cristalinas.

Nova! Sempre Nova Friburgo!

Minha (nossa!) Terra divina.”
(Girlan Guilland)


Entrega de prêmios aos 14 eleitos vira festa de exaltação à cidade e em defesa de suas belezas.



SETE MARAVILHAS / BELEZAS NATURAIS




Cão Sentado (1.287 votos) - Ronaldo de Amorim
Encontro dos Rios (1.261 votos)
Caledônia (802 votos)
Três Picos - 709 votos
Catarinas (586 votos)
Imperador (384 votos)
Véu da Noiva (278 votos)



Trechos da reportagem de 6ª feira 14/12/2007 do Jornal "A Voz da Serra".

Sergio Madureira e o bolo feito especialmente para a ocasião


Agradecimentos especiais a Fabio Herdy por ter cedido gentilmente as fotos e as matérias do Jornal a Voz da Serra.

14 dezembro 2007

Considerações sobre a "Floresta do Cão Sentado"











Muito se fala a respeito da Pedra do Cão Sentado, por sua exuberância e curiosidade quanto à sua formação geológica, mas pouco se ouve sobre a sua floresta, tão importante para o equilíbrio do meio ambiente.

Existem mais de 3.500 áreas protegidas em todo o mundo. Estas áreas incluem parques, refúgios da vida selvagem e outras reservas. Elas cobrem cerca de 3% da área total da superfície do planeta.

Atualmente, da segunda maior floresta brasileira, restam apenas cerca de 5 % de sua extensão original.

As florestas constituem um valioso recurso natural renovável, gerador de múltiplos bens e serviços da maior relevância para o meio ambiente, para a economia e para a qualidade de vida do seres humanos.

10 dezembro 2007

Nomes...Cavernas, Grutas e outras formações rochosas

Juntei um pouquinho daqui..Outro pouquinho dali..rsrs. Pesquisei e repasso estas "estórias" que tem muita da "história" do Parque Cão Sentado.

Caverna (do latim cavus, buraco), gruna ou gruta (do latim vulgar grupta, corruptela de crypta) é toda cavidade natural rochosa com dimensões que permitam acesso a seres humanos.

Para referência de localização e acesso às grutas, batizaram alguns pontos abaixo descriminados, baseando-se nos seguintes fatos:

· Toca da Onça – Nos meses de agosto e setembro, início da primavera, época de reprodução das jaguatiricas, também conhecidas por “gato do mato”, costumavam escutá-las e vê-las esconderem-se nesta gruta.

09 dezembro 2007

Lenda do Cão Sentado

Conta a Lenda que a muitos e muitos anos atrás, nas matas de Furnas do Catete um pequeno índio encontrou um filhote de cachorro na mata. O pequeno índio o pegou e o levou para casa, tornando-se assim grandes amigos e companheiros.
Passaram-se anos, ambos cresceram, amigos inseparáveis...Até que um dia, sua tribo fora chamada para a guerra e mesmo contra vontade, foram obrigados a se separarem.
Daquele dia em diante seu cachorro nunca mais foi o mesmo, vivia deitado, triste, com o olhar no infinito, não comia, nem bebia, estava morrendo aos poucos...
Infelizmente os guerreiros retornaram com a triste notícia de que seu amigo índio morrera naquela guerra.
Ao notar que seu amigo e companheiro, não retornou com os outros guerreiros, o cachorro reuniu todas as suas forças e subiu para o alto de uma montanha, uivou por dois dias e duas noites e ao final daquela última noite, quando o Sol raiou, o cachorro sentou no alto de uma pedra e deu seu último latido.Foi a última homenagem ao amigo índio...Sua despedida.
O Sol sumiu...O dia escureceu...Houveram relâmpagos, semelhante a uma tempestade.
Toda tribo foi ver o que havia acontecido, assustados com o imenso trovão que acabara de atingir a pedra. Ao chegarem no topo, encontraram uma imensa pedra na forma de um "Cão Sentado".
Acredita-se que, com o tempo, formou-se uma grande floresta ao seu redor e que os índios a protegeram como a um verdadeiro templo de amizade, amor e companheirismo.
Ainda hoje, podemos ver o cão sentado em pose de guarda, no Parque do Cão Sentado.

Estrutura do Parque

O Parque Cão Sentado é dividido nas seguintes áreas:
1. Praça de Alimentação – Onde se localiza o restaurante e lanchonete com vista para o lago;
2. Playground – Área das crianças; Os brinquedos são restritos para uso dos menores de dez anos.
3. Área do Pesque-Pague – Estas áreas são restritas para o pesque-pague e pesque-devolva e têm regras específicas de uso e capacidade máxima de pescadores estabelecida.
4. Trilhas, Grutas e Cavernas – Acesso ao Mirante do Cão Sentado através de caminhada; Existem normas específicas de uso e capacidade máxima para grupos;
5. Áreas de Montanhismo - Estas áreas são restritas aos esportistas com conhecimento de escaladas ou para grupos de escaladores acompanhados de um condutor;
6. Áreas de Preservação Ambiental – Não permitidas aos visitantes, são as áreas de preservação da fauna e flora nativas.
7. Jardins – Áreas que foram projetadas com a introdução de espécies exóticas e da flora tropical, porém não nativas.

By Monique Botelho e Ronaldo de Amorim

História do Parque Cão Sentado

Situada à margem da Rodovia Nova Friburgo - Bom Jardim, encontra-se em extensa área, com altitude máxima em torno de 1.111 metros. É um conjunto de grutas e blocos de rochas superpostas que criam formas deslumbrantes. O ponto mais elevado é a Pedra do Cão Sentado, formação que se assemelha a um cão de guarda, com 100m de altura. Para atingi-lo o visitante percorre aproximadamente 1 Km, ultrapassando 12 pontes e rústicas escadas.
Esse ponto turístico surgiu em uma cratera, devido a um acidente geográfico que ocorreu a três mil anos A.C., quando a terra sofreu um abalo sísmico.Com a onda de calor e o frio intenso, formou-se a Pedra do Cão Sentado.
Related Posts with Thumbnails

Vale a Pena Olhar!!

BlogBlogs.Com.Br